Bem-vindo à web da Sala-de-Aula Museo Paco Díez
| Portuguêse |
 
     |    Español    |    English    |    Français    |    Portuguêse
 
   
   
   
   
   
   
   
   
   
   
   
   
 
 
 
 
   
   
   
 
   
   
   
 
Audio-visuais
 
 
LA BAZANCA - 30 Anos - SONS DE IDA E VOLTA

Em 1º de maio de 1980, na Praça Maior de Medina del Campo (Valladolid) um grupo de Música Tradicional chamado Bazanca (sem artigo) subia pela primeira vez e de forma oficial a um palco.
E desde essa primeira vez não tem parado. A história de La Bazanca (com artigo) é larga e densa: o grupo viajou pela Europa e América, participou de milhares de encontros, festivais,…, gravou dez discos, desfrutou e se enriqueceu com todos e cada um dos músicos que em algum momento fizeram parte do grupo e, sobretudo nestes 30 anos não deixou de trabalhar, de pesquisar para evoluir e manter viva nossa música tradicional.

A gravação do DVD ao vivo 30 Anos - Sons de ida e volta vem a significar essa bagagem ibérica que levamos a América (30 anos com a gravação de um DVD) e que retorna reelaborado pelas diferentes influências musicais íbero-americanas, sobretudo a peruana e especialmente a negra, a dos escravos africanos, para mesclar-se de novo com a Tradição Musical Ibérica em um concerto festivo e participativo.
O concerto que teve lugar no Teatro Municipal de Bragança (Portugal) contou também com a colaboração dos componentes do grupo Galandum Galundaina (Paulo Preto e os irmãos Meirinhos, Paulo, Manel e Xandre), com Jorge Lira (dedicado à recuperação e difusão da gaita de fole mirandesa), com Tó André, Diana Caramelo e Bruno Berça.

Bragança (2010). vídeo. ver video


Jota, Brincao y Habas.




Pesah a la manu.




Tonada y charrada.



 
PACO DÍEZ - ROMANÇAS SEFARDITAS

Velhos Romances Ibéricos que os judeus espanhóis levaram consigo quando foram expulsos pelos Reis Católicos no final do século XV e que conservaram fora de seu Sefarad (Espanha) com maior frescura que os próprios espanhóis.
Também aparecem temas litúrgicos e semi-litúrgicos cantados em judesmo e em hakitía (línguas dos Bálcãs e de Marrocos, respectivamente). Entre canção e canção vou debulhando apontamentos da história dos “espanholikos” (sefarditas), desde sua expulsão até os nossos dias.
Também há coplas com estribilhos e canções atrativos ao ouvido com as que o público colabora facilmente.

vídeo voir video

Axerico.




La Cristiana cautiva.




La Serena.



 
PACO DÍEZ - ROMANCES DE CAVALEIROS E DONZELAS

Romances Ibéricos interpretados desde a época medieval com a sanfona, instrumento dos velhos trovadores e dos cegos vendedores de coplas de antigamente. O violão e a bandola completam o espectro sonoro acompanhando a uma voz timbrada e profunda.
Uma excelente oportunidade para que os mais idosos recordem as velhas histórias que ouviram em sua infância e principalmente para que as crianças comecem a apreciá-las e a aprendê-las, já que se trata de um aspecto fundamental das suas raízes.

La doncella guerrera.




La doncella y el caballero.




Miguel de Prado.



 
 

 

Page   2
                                            zip-mp3 décharger archive zip avec les 18 tracks-mp3 (100 mgb)